data Categoria: Notícias |  data Postado por redacao há 2 semanas | Imprimir Imprimir
Chacina violenta marca o começo do fim de semana em Santa Cruz Cabrália.

Uma chacina bárbara aconteceu no município de Santa Cruz Cabrália que deixou moradores do Bairro Campo Verde assustados. O fato aconteceu na noite dessa sexta-feira (10/03) quando homens armados a bordo de um carro e uma moto chegaram na localidade e fizeram vário disparos contra pessoas que estavam em um bar.

chacina_cabralia004

Um adolescente identificado pelo nome de Gustavo Lima Souza (15 anos) e um homem identificado pelo nome de Fábio Oliveira não resistiram aos ferimentos e morreram no local. O adolescente era filho da dona do Bar. Ainda três pessoas ficaram feridas pelos disparos, um dos feridos foi identificado pelo nome de Ricardo Rodrigues Soares (33 anos). Ricardo foi encontrado caído ao lado de um carro e foi socorrido por uma unidade do SAMU. Os outros dois feridos tinham sido levados por populares antes da chegada da Polícia Militar.

Informações colhidas no local constam que o alvo dos bandidos não eram as pessoas do bar, e sim, o dono de um estabelecimento ao lado. Algumas pessoas informaram que o mesmo teria agredido o pai de um traficante em uma briga e este prometeu se vingar. Testemunhas comentaram que os bandidos primeiramente foram no estabelecimento citado, deram vários tiros em uma porta de ferro e tentaram arromba-la. Também foi encontrado na varanda do mesmo estabelecimento um galão de gasolina deixado pelos bandidos, presume-se que os mesmos planejavam atear fogo no local.

mosaico_chacinacampoverde

As informações ainda constam que traficantes que atuam no bairro já tinham avisado que não queriam nenhum bar aberto à noite até que a pessoa que eles procuravam fosse encontrada. A dona do bar informou aos policiais que sabia do aviso, mas abriu o estabelecimento por ter necessidade de vender a cerveja para sobreviver. Um grande número de cápsulas de cartuchos .40 e 09 mm foram encontrados espalhados pelas ruas demonstrando o poder de fogo dos bandidos.

Viaturas do CETO, CAEMA e da 4ª Companhia fizeram buscas pelo bairro no intuito de encontrar os agressores, mas não tiveram sucesso. Por enquanto o Bairro Campo Verde segue aterrorizado com a violência dos bandidos e pessoas informaram à nossa equipe que o toque de recolher decretado pelos bandidos continua sendo obedecido pelos comerciantes do local.